Matões-MA: O governo Ferdinando Coutinho e suas lambanças!

Imaginem como seria se um professor prescrevesse medicamentos? Seria um caos né!? Agora, imaginem um vendedor sendo secretário de Cultura, esporte e juventude? O caos seria o mesmo! É isso que acontece dentro da cúpula municipal de Matões. Tiago Portela foi nomeado secretário, entretanto, a vibe dele é outra! Podemos antecipar que, como secretário, ele deve ser um ótimo vendedor. Tiramos pelo recurso da lei Audir Blanc que nunca foi aplicado, mas já foi creditado! Onde estão os editais para contemplar a cultura matoense? E a juventude, quais as propostas para a juventude? Veja só, estamos falando de propostas, não de barganha!

É fato que você não compreende o peso de gerir uma secretaria! Ser secretário é ser proativo, é entender, aprimorar e resolver o que for de sua obrigação. Ser secretário não é cargo para status, é cargo para mostrar trabalho! O excelentíssimo senhor secretário sabe o que é um edital? E um cronograma? É válido ressaltar que a lei Audir Blanc necessita de um planejamento criterioso para que o recurso seja aplicado! Mas, de certo que o prefeito acreditou na sua competência para o cargo, e por isso nomeou o senhor, ou seria mais um conchavo político de conveniência!? Fico com a segunda opção!

Alice em o país das maravilhas, questiona o gato sobre o caminho que ela deveria seguir. E o gato responde, “se você não sabe para onde ir, qualquer caminho serve”. E você, senhor secretário, sabe para onde ir? Entende a importância da sua função? Provavelmente não! Talvez sua nomeação seja só mais um dos inúmeros equívocos cometidos pela gestão municipal.

Sobre Irisnobre Bryan

Bom eu sou Blogueiro desde de 2016, sou com muito orgulho Parnaramense e me orgulho de ter um blog mais visto do médio sertão maranhense. Aqui as notícias vem sempre em primeiro lugar, notícias do estado do Maranhão e nacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *